1. Leve itens de segurança na mochila: Todo motoqueiro sabe que os equipamentos de segurança são essenciais durante a pilotagem, independentemente da situação. Porém, em dias chuvosos eles são ainda mais importantes, pois podem salvar a sua vida.

    Capacete, botas e calças adequadas são itens básicos para a segurança — e você também deve sempre ter uma jaqueta na mochila, luvas e capa de chuva, que vão evitar que você se molhe e tenha sua atenção prejudicada.

    Para completar seu “kit chuva”, tenha sempre com você um par de meias extras — caso molhe os pés — e dois panos secos. Um dos panos deve ser usado quando você chegar ao seu destino, para secar as partes mais sensíveis da moto (como discos de freio e painel de instrumentos), enquanto o segundo é para secar o assento para continuar a viagem.
  2. Selecione o melhor local para estacionar: Como a visibilidade fica comprometida durante a chuva, é comum que alguns motoqueiros estacionem a moto em locais de risco, comprometendo a sua segurança.
    A recomendação é procurar um local onde é permitido estacionar, sem poças d’água e longe de áreas arriscadas.

    Também é importante evitar parar próximo de árvores, pois, se a chuva estiver muito forte, algum galho pode cair e danificar a moto.
  3. Reduza a velocidade: Uma das dicas mais importantes para motoboy na chuva é reduzir a velocidade. Isso porque, em vias de asfalto, a água da chuva se mistura à sujeira e a superfície fica muito lisa, o que aumenta as chances de uma derrapagem. Portanto, nunca pilote a moto em altas velocidades durante uma tempestade.
  4. Atenção redobrada ao fazer curvas: Outro cuidado essencial é ficar atento ao fazer uma curva na chuva. Aqui, a dica é manter a moto em “pé” e inclinar o mínimo possível, deslocando o corpo para o lado de dentro da curva, mas sem inclinar muito o veículo.
  5. Aprenda a monitorar o GPS durante a chuva: O GPS é uma ferramenta indispensável para quem trabalha como motoboy, pois vai ajudá-lo a encontrar o caminho certo no menor tempo possível. No entanto, olhar para o GPS na chuva enquanto pilota é muito arriscado, pois é uma distração que pode acabar em um acidente.

    O recomendado é utilizar um suporte de celular impermeável para moto, que vai proteger o aparelho e deixar a tela visível mesmo na chuva. Assim, você evita ter que pilotar com o celular na mão e pode acompanhar a sua localização apenas desviando o olhar.
  6. Proteja a encomenda: Você também não pode se esquecer de proteger os objetos que está transportando. Afinal, se a encomenda chegar molhada, o cliente não vai ficar nada satisfeito, certo? Por isso, fique atento e certifique-se de que o baú da moto está seco e sem entrar água. Além disso, evite passar em buracos e fazer manobras bruscas, o que pode ocasionar acidentes.
  7. Não atravesse alagamentos: Essa dica é para os motoqueiros apressados que, mesmo durante uma tempestade, não observam a via com atenção e acabam passando com a moto por áreas alagadas. Essa prática traz inúmeros riscos, pois uma poça aparentemente rasa pode esconder buracos e/ou defeitos na pista, e, caso você passe por ela, colocará a sua vida em risco.

    Outra situação desafiadora é a ocorrência de enchentes, que demandam cuidados redobrados. Nesses casos, o melhor para se proteger é parar em um local seguro e esperar a água baixar. Caso a água esteja acima do eixo da roda, ela pode entrar no bocal do filtro de ar ou na saída de escapamento, fazendo com que a moto afogue. Além disso, os riscos — e os prejuízos — serão grandes.
  8. Fique distante dos pontos cegos: Como a visibilidade da via fica comprometida durante uma tempestade, os motoristas podem acabar não vendo um motoboy na chuva. Por isso, é essencial que o condutor evite ficar no ponto cego dos outros motoristas, ou seja, ele deve garantir que está sendo visto no trânsito.
    Para isso, existe uma série de cuidados a serem seguidos.

    O primeiro deles é estar a uma distância segura dos outros veículos. Também é necessário manter o farol da moto aceso, buzinar ao fazer uma ultrapassagem e usar capa de chuva com cores chamativas e partes reflexivas.
  9. Use uma roupa de proteção de qualidade: Por fim, aposte em uma roupa de proteção de qualidade para garantir o seu conforto e segurança durante uma pilotagem na chuva. Caso a tempestade seja muito forte e a roupa não tenha qualidade, ela e você ficará molhado.

    Confira algumas dicas para escolher bons acessórios:
    – use uma capa de chuva 100% impermeável, resistente e feita com um bom material — itens com costura dupla e impermeabilizantes são a melhor opção: prefira botas impermeáveis de cano médio ou alto, pois elas oferecem a melhor proteção em dias chuvosos;
    – calças impermeáveis também ajudam no conforto, pois além de evitar que as pernas molhem, garantem que a carteira e documentos fiquem protegidos;
    – se a chuva não estiver muito forte, a jaqueta impermeável pode ser uma boa escolha, pois é mais prática de ser colocada e retirada.

Conheça nossa campanha completa e as premiações:

A sua segurança vem em primeiro lugar.

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: